NOTÍCIAS

Direitos Humanos
Institucional
Gestao Responsavel
Integridade
Ambiental

ETHOS

Instituto Ethos participa de jornada sobre ODS

08/12/2014

Compartilhar

Caio Magri, diretor do Ethos, apresentou pesquisa sobre o papel das empresas na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

No dia 24 de novembro, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) promoveu, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, a “Jornada sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)”, com o intuito de dialogar sobre a agenda de sustentabilidade pós-2015 com os diversos setores envolvidos nos ODS. O encontro contou com a participação ativa do Instituto Ethos, representado por seu diretor-executivo Caio Magri.

O documento final do Grupo de Trabalho Aberto para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas foi debatido durante o encontro. Conta com 17 objetivos e 169 metas a serem alcançadas até 2030. Tais objetivos substituirão os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, que expiram em 2015.

Caio Magri apresentou uma pesquisa realizada em 2013 com diversas empresas que debateram novas propostas a serem incluídas nos ODS. “O que pudemos apresentar é que a maioria das empresas pede a inclusão da transparência, integridade e combate à corrupção como parte dos ODS”, relata Magri. Para o diretor do Ethos, “é importante permanecer articulado com o MMA para apoiar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”.

A Jornada

O secretário-executivo do MMA, Francisco Gaetani, abriu o encontro reforçando a necessidade de ouvir os parceiros do ministério para aprofundar essa discussão global ligada à agenda ambiental. “A ideia não é debater apenas o ponto operacional, mas dar ainda maior robustez a essa agenda”, afirmou. Gaetani reforçou que o encontro está em consonância com a diretriz do documento que visa reforçar a participação ativa de governos, da sociedade civil, do setor privado e do sistema das Nações Unidas na implantação dos objetivos.

Fernando Coimbra, chefe da Assessoria de Assuntos Internacionais do MMA, apresentou um breve histórico sobre o tema. Em relação ao documento, ele destacou sua importância ao afirmar que ele servirá de subsídio aos debates que ocorrerão na ONU e que darão o tom dos novos desafios pós-2015.

Coimbra listou algumas questões que estarão presentes nos debates: financiamento para o desenvolvimento; negociações para acordos no contexto da mudança do clima; e pontes a serem construídas para dialogar com objetivos ligados à água, à segurança alimentar, à biodiversidade e à produção e consumo sustentáveis.

Também estiveram presentes a deputada estadual do Rio de Janeiro, Aspásia Camargo; o diretor do Centro Rio+, Rômulo Paes; Taís Santos, representante auxiliar do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) no Brasil; Ana Carolina Szklo, do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS); o consultor Rubens Born; Carlos Mussi, da Comissão Econômica para América Latina e o Caribe (Cepal); Mario Mottin, do Ministério das Relações Exteriores (MRE); e Denise Kronemberger, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O evento se estendeu até o dia 25 de novembro.

Com informações da Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA).

CONTATO

  • endereçoRua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 445 - Pinheiros
  • endereço05415-030 São Paulo - SP
  • endereço* Para correspondências. Estamos 100% em trabalho remoto
  • telefone(55 11) 3897-2400
  • email[email protected]
  • horárioDe segunda a quinta - das 9h às 17h, sexta das 9h às 15h
  • imprensa(55 11) 3897-2416 / [email protected]
  • trabalhe conoscoTrabalhe Conosco

© 2016-2020 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.