NOTÍCIAS

Direitos Humanos
Institucional
Gestao Responsavel
Integridade
Ambiental

ETHOS

MEBB passa a participar das reuniões do CGEN

19/08/2013

Compartilhar

O Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGEN), do Ministério do Meio Ambiente, confirmou a participação do MEBB como convidado permanente.

Por meio de ofício emitido no final de julho, o Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGEN) confirmou a participação do Movimento Empresarial pela Biodiversidade – Brasil (MEBB) como convidado permanente nas suas reuniões.

Órgão do Ministério do Meio Ambiente (MMA), o CGEN foi instituído em 2001 com a responsabilidade de coordenar a implementação e o aperfeiçoamento de políticas para a gestão do patrimônio genético e dos conhecimentos tradicionais a ele associados, sendo incumbido de definir critérios para a concessão de autorizações de acesso e remessa a esse patrimônio e a esses conhecimentos.

É integrado por representantes de 19 órgãos e entidades da Administração Pública Federal, entre os quais nove ministérios, o CNPq, o Ibama, a Embrapa e a Funai, todos com direito a voto. A presidência do órgão é do MMA, hoje representado pelo secretário de Biodiversidade e Florestas, Roberto Brandão Cavalcanti, enquanto a secretaria executiva está a cargo do Departamento de Patrimônio Genético.

Em 2003, visando promover um maior diálogo com a sociedade civil em torno dos temas discutidos pelo CGEN, o MMA decidiu chamar um grupo de dez entidades, organizações e movimentos para participar de suas reuniões na condição de convidados permanentes, com direito a assento e voz: a Associação Brasileira das Empresas de Biotecnologia (Abrabi), a Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema), o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), o Conselho Nacional dos Seringueiros, a Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab), a Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq), a Federação Brasileira da Indústria Farmacêutica (Febrafarma), o Fórum Brasileiro de ONGs e Movimentos Sociais para o Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Fboms), o Ministério Público Federal e a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

O MEBB entra agora no lugar da Associação Brasileira das Empresas de Biotecnologia (Abrabi). A proposta de substituição foi feita pelo próprio presidente da Abrabi, Eduardo Emrich Soares: “Passados quase dez anos de sua indicação, a Abrabi entende que cumpriu sua missão e que seria bem-vinda sua substituição por outra entidade apta a participar dos relevantes debates desse conselho, trazendo novas contribuições. E o MEBB é uma organização à altura dessa importante tarefa”, afirmou Soares, em carta ao presidente do CGEN.

Lançado em 2010, o MEBB é uma iniciativa da Alcoa Alumínio, da Natura Cosméticos, da Vale, do Walmart, do Instituto Ethos e de uma série de entidades e organizações não governamentais. Seu principal objetivo é mobilizar o setor empresarial para a conservação e uso sustentável da biodiversidade e buscar um diálogo com o governo, a academia e demais setores da sociedade para aperfeiçoar o marco legal e regulatório sobre temas como valoração e acesso à biodiversidade, repartição de benefícios, pagamentos por serviços ambientais, inovação tecnológica, pesquisa e outros que influam na maneira como as empresas podem aprimorar seus negócios na direção de uma economia sustentável.

Os representantes dos órgãos e entidades que compõem o CGEN se reúnem uma vez por mês, em Brasília (DF), e atuam com cinco câmaras temáticas de caráter técnico que subsidiam suas discussões. São elas: Procedimentos Administrativos; Conhecimento Tradicional Associado; Repartição de Benefícios; Patrimônio Genético Mantido em Condições Ex Situ; e Acesso à Tecnologia e Transferência de Tecnologia.

A representante titular do MEBB no CGEN será Roberta Jardim, da Milaré Advogados, tendo Bianca Antacli, da Tozzini Freire Advogados, como primeira suplente.

Por Benjamin Gonçalves, do Instituto Ethos

CONTATO

  • endereçoRua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 445 - Pinheiros
  • endereço05415-030 São Paulo - SP
  • endereço* Para correspondências. Estamos 100% em trabalho remoto
  • telefone(55 11) 3897-2400
  • email[email protected]
  • horárioDe segunda a quinta - das 9h às 17h, sexta das 9h às 15h
  • imprensa(55 11) 3897-2416 / [email protected]
  • trabalhe conoscoTrabalhe Conosco

© 2016-2020 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.