AGENDA

Compartilhar

Parceria Serasa Experian e Instituto Ethos vai identificar a quem interessa a preservação da Amazônia

Ferramenta possibilita que 60 empresas signatárias de pacto ambiental e social pesquisem e analisem histórico dos fornecedores, que não podem estar envolvidos em crimes ambientais, como desmatamento, e sob o aspecto social, não devem, por exemplo, usar trabalho escravo e infantil, entre outros aspectos

A Serasa Experian e o Instituto Ethos iniciam neste mês uma parceria que proporcionará a análise dos fornecedores das empresas que fazem parte do programa Conexões Sustentáveis. São cerca de 60 instituições signatárias de um pacto de conformidade ambiental e social que prevê a valorização das cadeias produtivas sustentáveis na Amazônia, incluindo a produção de soja, madeira e o setor da pecuária, com o objetivo de preservar a floresta e seus povos.

Para isso, os fornecedores têm de estar de acordo com a legislação brasileira do ponto de vista ambiental e social. Ou seja, não podem estar envolvidos em crimes ambientais, como desmatamento, e sob o aspecto social, não devem, por exemplo, usar trabalho escravo e infantil, entre outros aspectos.

O papel da Serasa Experian na parceria será fornecer ao Instituto Ethos uma ferramenta que possibilite essa análise. Elaborada a partir de um projeto piloto, ela capta informações em todos os órgãos ambientais em vários níveis de governo, usando o CPF (Cadastro de Pessoa Física) e o CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do fornecedor.

A Serasa Experian, ao disponibilizar os produtos que analisam os fornecedores nas três dimensões, contribui para que o setor produtivo brasileiro avance no rumo da sustentabilidade. “Compartilhamos esta responsabilidade com o governo, com a sociedade civil, com o ETHOS, com as instituições financeiras e com as melhores empresas signatárias do Pacto Conexões Sustentáveis”, afirma Ricardo Loureiro, presidente da Serasa Experian. “Fazemos parte dessa rede de valor que contribui consistentemente para construir um futuro melhor, pois nosso negócio promove a sustentabilidade”, conclui ele.

São pesquisados quatro órgãos federais, ANA (Agência Nacional de Águas), Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e Ministério do Trabalho, e secretarias dos 27 Estados do país. A ferramenta inclui ainda o cadastro rural do fornecedor.

“Existe a necessidade de informações consistentes e oportunas sobre os fornecedores, não só para valorizar os mesmos, mas também para estabelecer concorrência justa considerando as externalidades socioambientais”, ressalta o presidente da Serasa Experian, Ricardo Loureiro.

Com as informações disponibilizadas no Produto Conformidade Ambiental, o Instituto Ethos poderá acompanhar, por exemplo,  se os fornecedores dos signatários dos pactos da soja, madeira e pecuária dentro do programa Conexões Sustentáveis estão na Lista do Trabalho Escravo do Ministério do Trabalho e  Emprego e  se estão em situação irregular junto ao IBAMA,   entre outras informações.

 

Agenda

Parceria Serasa Experian e Instituto Ethos

Data: 18 de outubro

Horário: das 9h às 11h

Local: sede Serasa Experian

Alameda dos Quinimuras, 187 – altura do número 2500 da av Indianópolis

Planalto Paulista

CONTATO

© 2016-2020 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.