O Instituto

Compartilhar

Governança

O Instituto Ethos tem, além de sua Diretoria e Assembleia Geral (Associados Curadores), quatro conselhos que auxiliam nas tomadas de decisão e transparência da instituição.

São eles: Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal, Conselho Consultivo Internacional e Conselho Orientador.

Conselho Deliberativo

Confira abaixo os conselheiros do Instituto Ethos.

Saiba também quem compõe os comitês Estratégico, Financeiro, de Ética e de Governança do Instituto Ethos.

Olinta Cardoso (presidente)

Formada em Comunicação Social, pós-graduada em Comunicação Empresarial, pela PUC Minas; especialista em Gestão da Sustentabilidade pela FDC, em Comunicação pela University of Syracuse/ABERJE, e em Gestão de Pessoas pela FDC/INSEAD. Trajetória profissional marcada por experiências desafiadoras em comunicação e responsabilidade social em diferentes culturas. 

Como Gerente Executiva de Responsabilidade Social da Petrobras (2019 – 2022), atuou no assessoramento direto a C-Levels em análises de riscos e impactos sociais, promoção dos Direitos Humanos, inclusão, diversidade e estratégias de posicionamento com foco em boas práticas ASG (ESG). 

Na Vale, foi diretora de Comunicação (2004 a 2009), responsável pela estratégia integrada de comunicação global marcada pela internacionalização de suas atividades. Já na Fundação Vale (2004 a 2007 – período que acumulou duas diretorias – Comunicação e Fundação), liderou sua reestruturação, a partir do planejamento estratégico da companhia. 

Atuou na Samarco por um período de 10 anos, dois anos como analista de comunicação, na sequência coordenadora, e nos últimos seis anos como gerente corporativa de comunicação. 

Em 2009 criou a Matizes Comunicação e Responsabilidade Social, movida pelo intuito de ampliar suas experiências em escalas e contextos diversos, apoiando organizações na gestão integrada da comunicação e responsabilidade social, considerando sempre os desafios e complexidades contemporâneos da sociedade para o desenvolvimento sustentável.  

Marcelo Behar (vice-presidente)

Diretor de Assuntos Corporativos da Natura, é graduado em Ciências Sociais e em Direito, ambos pela Universidade de São Paulo. Trabalhou em 2000 como jornalista do Caderno Mundo do jornal Folha de São Paulo. Foi assessor especial e chefe-de-gabinete do Ministro da Justiça de 2003 a 2007, responsável pela coordenação da Campanha Nacional do Desarmamento. De 2007 a 2009 foi Secretário-Executivo da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República. Em 2009 exerceu a advocacia e, no mesmo, ano assumiu a Diretoria Corporativa de Relações Institucionais da CSN (Companhia Siderúrgica Nacional), posição que ocupou até novembro de 2013, quando ingressou na Natura.

Helio Santos

Ativista desde os anos 1970 é mestre em Finanças e doutor em Administração pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo.
Em 1984 participou da fundação da primeira iniciativa do Estado brasileiro para trabalhar a questão do negro no pós-abolição, sendo o presidente fundador do Conselho da Comunidade Negra do Estado de São Paulo – órgão pioneiro que induziu várias iniciativas semelhantes em todo o país, que deu origem as primeiras políticas públicas voltadas pa,ra a correção das históricas desvantagens da população negra no campo da educação e do mercado de trabalho.
Hélio lecionou em diversas instituições como PUC/Campinas e Universidade São Marcos/SP. Atualmente, leciona na Fundação Visconde de Cairu/Salvador, no mestrado em Desenvolvimento Humano e Responsabilidade Social.
Coordenou nos anos 1990 no âmbito do governo federal um grupo precursor que colocou na agenda pública as políticas de ação afirmativa (Políticas de Cotas) para a população negra. É um dos fundadores do IBD – Instituto Brasileiro da Diversidade, ONG com foco na Gestão da Diversidade. Preside o Conselho Deliberativo do Fundo Baobá, entidade voltada para o fortalecimento das organizações que trabalham pela equidade racial no país.

Jorge Abrahão

Coordenador geral da Secretaria Executiva da Rede Nossa São Paulo e Ex-Presidente e Membro do Conselho Deliberativo do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social. É membro dos Conselhos do Global Compact da Organização das Nações Unidas (ONU), do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), do Fórum Social Mundial, da Comissão de Transparência e Controle do Senado Federal e do Conselho da Cidade de São Paulo. É também membro de conselhos de organizações como o ISE – Índice de Sustentabilidade Empresarial da Bolsa de Valores de São Paulo, da Rede Nossa São Paulo, do Instituto Akatu pelo Consumo Consciente, da Atletas pelo Brasil e do Global Reporting Initiative (GRI).

Oscar Vilhena

Pós-Doutor pelo Centre for Brazilian Studies – St. Antonies College, Universidade de Oxford (2007), Doutor e Mestre em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1998-1991), Mestre em Direito pela Universid de Columbia, Nova York (1995) e Graduado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1988). É Diretor da DIREITO SP, onde leciona nas áreas de Direito Constitucional, Direitos Humanos e Direito e Desenvolvimento. Foi Procurador do Estado em São Paulo, Diretor Executivo do Instituto Latino-Americano das Nações Unidas para Prevenção do Crime (ILANUD), assim como fundador e Diretor da organização Conectas Direitos Humanos. É colunista do jornal Folha de São Paulo e membro de diversos conselhos de organizações da sociedade civil, entre os quais Instituto Pro Bono e Open Society Foundations (OSF). Na advocacia, tem se concentrado em casos de interesse público junto ao Supremo Tribunal Federal.

Ricardo Young

Empresário; âncora do programa Sustentabilidade, no Terra TV; articulista da Folha de S.Paulo e da Carta Capital; palestrante internacional nos temas de responsabilidade social, gestão e desenvolvimento sustentável; graduado em administração pública pela Fundação Getulio Vargas de São Paulo (FGV-SP) e pós-graduado em administração geral pelo Insper e em lideranças sistêmicas pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT); conselheiro das empresas Fibria, Amata e Kimberly-Clark, entre outras, e das ONGs Todos pela Educação, Instituto Akatu, Rede Nossa São Paulo e Instituto Democracia e Sustentabilidade; ex-presidente do Yázigi Internexus e da Associação Brasileira de Franchising; ex-diretor-presidente do Instituto Ethos e do Uniethos; ex-conselheiro das organizações internacionais Global Reporting Initiative (GRI) e Accountability; foi candidato ao Senado por São Paulo, pelo Partido Verde, tendo recebido 4 milhões de votos.

Tarcila Ursini

Tem 29 anos de experiência profissional inicialmente focada em fusões e aquisições e nos últimos 20 anos em sustentabilidade e estratégia de impacto positivo, inovação, cultura e governança corporativa. Formada em Economia, Direito e Desenvolvimento Sustentável.
Participa dos conselhos do Grupo Korin; da Agrogalaxy SA, Comitês de Sustentabilidade e Pessoa; e, do Instituto Capitalismo Consciente Brasil. É membro dos comitês: do Grupo Baumgart; de Sustentabilidade do Santander SA; do Conselho de Sustentabilidade do Grupo JSL / Movida SA; de Inovação e Sustentabilidade da Precon; e, da B Lab Multinacional.
Também é membro da Comissão de Inovação e Sustentabilidade do IBGC e da Rede de Especialistas do Fórum Econômico Mundial e é embaixadora da Black Jaguar Foundation Brasil. Atua como mentora em startups de negócios de impacto (WayCarbon, Doce Lar, Molecoola), é professora da Pós-graduação FIA “Sustentabilidade em Governança Corporativa” e do Programa do Conselho de Administração do IBGC, onde é coordenadora ESG do Curso de Conselheiros.

Oded Grajew (conselheiro emérito)

Fundou e participou da criação de várias instituições e movimentos sociais no Brasil: foi um dos fundadores e primeiro coordenador geral do PNBE – Pensamento Nacional das Bases Empresariais (1989). O PNBE foi um marco na mudança da cultura empresarial brasileira, engajando milhares de empresários na luta pela cidadania e justiça social. Criou a Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente, da qual foi diretor-presidente até 1998. Idealizou o Fórum Social Mundial e é atual membro do seu Conselho Internacional. Em 1998, foi fundador do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, cuja missão é mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de forma socialmente responsável, tornando-as parceiras na construção de uma sociedade sustentável e justa. De empresário a empreendedor social, Oded Grajew revolucionou as posturas empresariais no Brasil, aproximando a classe empresarial dos trabalhadores e dos movimentos sociais e engajando-a no desenvolvimento social.

Conselho Orientador

Conselho Orientador atua como guardião das principais aspirações da entidade e de suas iniciativas, debate e sugere diretrizes para temas críticos e projetos, bem como sobre a gestão estratégica e financeira.

Para exercer tal governança, o grupo é constituído por representantes das empresas parceiras institucionais e por representantes da Diretoria do Instituto Ethos.

Conselho Fiscal

Conheça os integrantes do Conselho Fiscal do Instituto Ethos

Paulo Bellotti
Sócio e cofundador da MOV Investimentos, é formado em engenharia química e mestre em modelagem matemática pela Escola Politécnica da USP. Tem também mestrado em gestão de inovação e políticas públicas pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Foi sócio da Pragma Patrimônio e fundou a Axial Gestão de Recursos, consultoria focada em negócios sustentáveis e inclusivos. Antes, foi diretor executivo do Banco Rabobank no Brasil e diretor da sua divisão de assessoria estratégica. Também foi gerente de negócios na DuPont América do Sul e engenheiro de processos na Poliolefinas (atualmente Braskem).

Wander Teles
Graduado em ciências contábeis pela Universidade do Distrito Federal (UDF), com MBA Executivo Internacional na Universidade de São Paulo (USP), foi auditor e sócio da Pricewaterhouse Coopers (PwC) por mais de 20 anos, consultoria em que trabalhou por quase 40 anos, tendo se retirado em junho de 2014. Na PwC, foi sucessivamente sócio responsável pelo escritório em Brasília, sócio de auditoria e sócio-diretor de Finanças e Infraestrutura no Brasil e na América do Sul, sócio responsável pelos quatro escritórios do interior de São Paulo e líder do segmento de Utilities, coordenando todas as atividades da PwC na área de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica e gás. Foi sócio responsável pela auditoria e consultoria a empresas cotadas na bolsa brasileira, na Europa e nos Estados Unidos. Foi também professor de cursos de pós-graduação na UDF.

Associados curadores

Eduardo Capobianco
Franklin Feder
Helio Mattar
Jorge Abrahão
Oded Grajew
Olinta Cardoso
Ricardo Young
Roberto Silva Waack
Sérgio Mindlin

Conselho Consultivo Internacional

O Conselho Consultivo Internacional é composto por até 30 membros, entre lideranças brasileiras e de outros países nas áreas de responsabilidade social empresarial e sustentabilidade.

Usamos cookies para que você possa ter uma boa experiência ao navegar.
Ao usar o site você concorda com o uso de cookies.
Para mais informações, por favor veja nossa Declaração de Privacidade.

CONTATO

© 2016-2021 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.

Usamos ResponsiveVoice - NonCommercial para converter texto para fala.