Construindo uma nova economia

sitemap:

Integridade

Compartilhar

Os valores éticos e de integridade são premissas do modelo econômico preconizado pela Plataforma por uma Economia Inclusiva, Verde e Responsável, o qual não se viabilizará num ambiente que favoreça privilégios oportunistas e acumulação de poder. A visão de sustentabilidade anda lado a lado com o compromisso de não sobrepor os interesses privados aos interesses públicos e compartilhados e de manter esses padrões em qualquer investimento, estabelecendo relações éticas independentemente do nível das exigências locais.

A prática da economia de acordo com padrões éticos elevados implica:

  • Combate à corrupção e à impunidade;
  • Valorização da transparência;
  • Estímulo à concorrência leal;
  • Estímulo à cooperação;
  • Respeito às leis e às regras de negócio;
  • Respeito aos direitos das diferentes comunidades, etnias e grupos sociais de se aproximar em seu próprio ritmo do estilo de vida contemporâneo.

Um dos fatores mais prejudiciais para a implementação de uma economia responsável é a corrupção, que, além de representar uma atitude eticamente condenável, prejudica seriamente o desempenho econômico de um país. A corrupção altera a composição dos gastos governamentais, abala a legitimidade dos governos e a confiança no Estado, afeta as decisões de investimentos produtivos, limita o crescimento, causa distorções na concorrência e prejudica a estabilidade do ambiente de negócios.

A busca por regulamentação e ações voluntárias como o Pacto Empresarial pela Integridade e contra a Corrupção incentivam o compromisso das empresas e do governo com uma relação mais ética e transparente.

Entendendo que os desafios do contexto atual só podem ser adequadamente enfrentados mediante a participação efetiva de governos e organizações da sociedade civil e do mercado, a erradicação da corrupção e o estabelecimento de novas arquiteturas institucionais que prezem pela participação plural dos diversos atores sociais e pela integridade em todo o processo são comprometimentos obrigatórios, assim como o direcionamento das gerações futuras para práticas alinhadas a essas premissas.

Exemplos de iniciativas contra a corrupção:

  • Pacto Empresarial pela Integridade e contra a Corrupção, que apresenta um conjunto de diretrizes e procedimentos a serem adotados pelas empresas e entidades signatárias, as quais se comprometem a elaborar e aprovar códigos de conduta ou políticas de integridade que expressem de forma inequívoca as políticas adotadas em relação a sistemas de integridade e combate à corrupção;
  • 10º. Princípio do Pacto Global, pelo qual as organizações signatárias se comprometem a “combater a corrupção em todas as suas formas, inclusive extorsão e propina”;
  • Partnering Against Corruption Initiative, promovido pelo Fórum Econômico Mundial, em parceria com a organização Transparency International e o Basel Institute of Governance, pelo qual as organizações signatárias se comprometem a atuar com tolerância zero ao suborno;
  • Iniciativa de Transparência nas Indústrias Extrativas (EITI – Extractive Industries Transparency Initiative), que também propõe que empresas extrativistas de países ricos em petróleo, gás e minerais melhorem sua governança por meio da publicação completa e da verificação dos pagamentos das empresas e dos rendimentos do governo no setor de petróleo, gás e outros minerais.

Iniciativas Relacionadas

CONTATO

  • endereçoRua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 445 - Pinheiros
  • endereço05415-030 São Paulo - SP
  • endereço* Para correspondências. Estamos 100% em trabalho remoto
  • telefone(55 11) 3897-2400
  • email[email protected]
  • horárioDe segunda a quinta - das 9h às 17h, sexta das 9h às 15h
  • imprensa(55 11) 3897-2416 / [email protected]
  • trabalhe conoscoTrabalhe Conosco

© 2016-2020 Instituto Ethos - Todos os direitos reservados.